Topografia Corneana (Ceratoscopia)

DEFINIÇÃO E INDICAÇÕES

Este exame tem como principal indicação a avaliação da curvatura da córnea que funciona como uma lente de 60 Dioptrias. Se existe uma curvatura anômala, a luz será refratada com irregularidade e a imagem que se formará na retina será borrada, traduzindo-se por baixa acuidade visual. Existem doenças congênitas e hereditárias da córnea que podem causar alteração e da curvatura superfície da córnea e causando diminuição da acuidade visual, como ocorre mais freqüentemente em casos de distrofias, degenerações e doenças ectásicas evolutivas (ceratocone, degeneração pelúcida). O exame de topografia corneana consiste na captura da imagem do reflexo de múltiplos anéis concêntricos de luz projetados na superfície da córnea (ceratoscopia).

O paciente olha para uma mira central e evita o piscar durante 20 segundos para permitir a captura da imagem. O desconforto é mínimo, mas pacientes com reação exagerada à luz (fotofobia) podem ter dificuldade na realização do exame não se utiliza colírio antes da aquisição da imagem, pois a gota do colírio pode alterar a leitura do topógrafo. O topógrafo tem um programa que analisa a distância destes anéis de luz refletidos em 34.000 pontos distintos, e traduz esta informação em dioptrias, gerando um mapa colorido (cores quentes correspondem a altas curvaturas). Diferentes análises estatísticas são realizadas a partir desta informação em diferentes pontos, e há comparação de padrões, fornecendo a probabilidade numérica do mapa assemelhar-se a determinadas alterações.

Os dados ficam gravados na unidade e podem ser comparados com exames anteriores e posteriores, gerando mapas diferenciais, permitindo avaliar o efeito de uma cirurgia ou a evolução de uma doença. A topografia corneana é indicada para avaliar a curvatura da córnea no pré-operatório de cirurgias de catarata, transplante de córnea, cirurgias de miopia, hipermetropia e astigmatismo, pterígio e outras.

Em caso de doenças evolutivas da córnea, em que há aumento gradativo da sua curvatura gerando distorção progressiva, o exame é indicado seriadamente para permitir graduação da evolução. Para a utilização de lentes de contato também é importante monitorar-se a curvatura da córnea antes, durante e depois do uso. Qualquer tipo, gelatinosa ou rígida, pode gerar distorção corneana. Se o tempo de suspensão não for respeitado, pode-se ter um mapa topográfico que não corresponde à realidade, influenciando no resultado da refração e de uma eventual cirurgia. Para usuários de lentes de contato rígidas, o tempo normal de suspensão para a topografia corneana é de pelo menos 7 dias. Para usuários de lentes de contato gelatinosas, o tempo normal de suspensão é de 3 dias. Contudo, há casos de usuários de qualquer tipo de lentes de contato por tempo prolongado, que podem necessitar de repetição do exame de topografia se, mesmo respeitado o tempo de suspensão das lentes, ainda persistirem alterações compatíveis com deformidade induzida por lentes de contato.

ORIENTAÇÕES NECESSÁRIAS

  • Não necessita de preparo prévio do paciente;
  • Não há utilização de colírios;
  • Evitar o uso de colírios no período de 30 minutos antes do exame;
  • Perguntar ao médico solicitante se deverá suspender e por quanto tempo, o uso de lentes de contato;
  • O paciente é orientado para encostar a região frontal no apoio. A seguir, focaliza-se a luz na superfície da córnea e captura-se uma fotografia digital;
  • Esta fotografia será analisada pelo programa do computador e traduzido em mapas de curvatura.
topografiacorneanaceratoscopia

REGIÕES ESTUDADAS

Curvatura da face anterior da córnea. Interpretação e comentários: As áreas do mapa topográfico que apresentam cores quentes (vermelho e amarelo) correspondem a curvaturas proporcionalmente mais altas do que as áreas de cores frias (azul e verde).
As áreas de altas curvaturas podem ser simétricas (mesma curvatura em meridianos simétricos a partir do centro da córnea) ou assimétricas. Curvaturas simétricas correspondem a casos de astigmatismos simétricos, que podem ser corrigidos com óculos. Curvaturas assimétricas geram dificuldade visual e que não podem ser corrigidas com óculos, causando baixa acuidade visual devido à irregularidade.

×
Olá, quero marcar uma consulta!