Degeneração Macular Unifesp Inicia Pesquisa e Oferece Novo Tratamento para os Portadores de Degeneração Macular

O Instituto da Visão da UNIFESP está oferecendo aos portadores de Degeneração Macular, com mais de 50 anos de idade, oportunidade de participar de um estudo internacional com um novo medicamento para prevenção da forma mais grave da doença, que é a exsudativa ( úmida). O principal objetivo do tratamento é diminuir o risco de desenvolvimento de baixa visual no olho ainda não afetado.

Degeneração Macular é uma doença que afeta a mácula, região central da retina. A mácula, parte mais sensível da retina, é responsável pela leitura, proporcionando uma visão nítida, detalhada e em cores. Quando a mácula não funciona de maneira correta, ocorre embaçamento, distorção ou escuridão no centro da visão. A Degeneração Macular afeta tanto a visão de longe quanto a de perto e pode dificultar ou impedir algumas atividades, como ler, assistir tv ou jogar cartas. Embora reduza a visão na parte central da retina, não prejudica o campo visual periférico.

CARACTERÍSTICAS EXIGIDAS PARA PARTICIPAÇÃO:

Ter 50 anos ou mais
Boa visão no olho não afetado pela doença, que será alvo do estudo
Diagnóstico clínico de Degeneração Macular Relacionada à Idade (DMRI) exsudativa no olho doente.

Dr. Michel Eid Farah
Centro Oftalmológico São Paulo

Relação de Newsletters

×
Olá, quero marcar uma consulta!